Higiene é fator crucial para evitar dermatite nos pets

#AgitoPet

Dar banho no seu animal de estimação em pet showers pode ajudar a evitar muitos problemas de saúde causados por sujeira e fungos

Um problema muito comum que acomete a diversos pets são aqueles ligados à pele, as dermatites. Apesar possuirem diversas causas, a maior parte delas pode ser evitada com uma rotina de higiene adequada do animal, realizada de preferência em um local que disponha de profissionais especializados.

A dermatite é relativamente comum, e quando percebida, da mais leva à mais grave, não há dúvidas: é preciso procurar um veterinário para avaliação e cuidados, pois somente ele saberá o que é preciso fazer e como cuidar de seu animal nesse período de recuperação.

Antes do desenvolvimento de qualquer ferida, no entanto, é preciso previnir. O banho periódico é a melhor forma de fazer isso, considerando sempre o tipo, tamanho, raça, quantidade de pelos do animal. “O banho dado em casa é indicado caso não haja condições de levar o animal ao pet shower, porém nesses estabelecimentos há inúmeras vantagens para o tutor e o seu pet, e muitas delas tem a ver com a proteção do animal”, conta Vinícius Danieli, fundador do Chica Chiquinha Pet Shower.

Em um pet shower os profissionais tem condições de cuidar de cada aspecto da higiene do animal com produtos e atenções que nem sempre estão facilmente à disposição do tutor. “O dia a dia é corrido, dependendo do pet o banho pode ser uma tarefa demorada”, explica Danieli. “Além disso, no estabelecimento temos equipamentos e produtos da mais alta qualidade para o cuidado com o pet, o que garante um bom atendimento e o devido cuidado e atenção à possíveis alergias. O tutor pode ficar seguro de um trabalho feito com atenção, amor e qualidade”.

O clima quente é um grande vilão de muitos pets, seja ele advindo da estação do ano ou da região. A umidade intensa e temperatura elevada são problemáticas, pois muitos fatores alergênicos são agravados tornando mais fácil a proliferação de fungos e ácaros, assim como colônias de pulgas e carrapatos. Esses são os principais fatores criadores de dermatites em pets.

No pet shower, não só o banho, mas a tosa e a escovação, ajudam a remover sujeiras, pelos, pele morta, além de ativar a circulação do animal através da massagem. Os nós de pelos acumulam agentes perigosos, e só isso já é de grande importância na hora de deixar o bichinho higienizado. “Muita gente não se lembra de que a escovação é importante, o pelo do animal não defere do cabelo do tutor, por exemplo, os cuidados vão além da lavagem”, explica Danieli.

Vale ressaltar que animais com dobras nas peles precisam de atenção especial à essas regiões, pois há acúmulo de oleosidade, sobretudo na face. Para os peludos, o pelo denso e fechado pode impedir uma secagem ideal com secadores caseiros, e a umidade próxima à pele pode ajudar na proliferação de fungos. Usar um secador apropriado, pelo tempo correto, é a medida mais segura no cuidado com a umidade residual do banho. Fatores como o uso de shampoo e condicionador também influem, não só pelos tipos de produtos, como pelo cuidado com o enxague, e até à observação de qualquer alergia específica que o animal possa ter.

Por último vale uma atenção às unhas, orelhas e olhos. Cortar as unhas em casa é perigoso, pois além de ferir é possível gerar infecções. Uma tesoura especial é usada por profissionais. Porém, é preciso que as unhas sejam limpas com frequência, já que o chão é sujo, e os animais que passeiam, como cachorros e gatos, ficam muito expostos. Já no quesito de orelhas é preciso limpar sem deixar que água entre, evitando outros problemas, algo que nem sempre é fácil fazer em casa. Nos olhos o cuidado é para não cair shampoo. “É preciso uma atenção especial na hora de cuidar dos pets, e com profissionais podemos dar atenção à cada detalhe a fim de garantir saúde e bem estar a cada bichinho”, finaliza Danieli.

Deixe uma resposta